Home | @busar | FAQ | Notícias | Processos | Imprimir | CADASTRO | ATUALIZAÇÃO | PAGAMENTO | SEU IP : 54.80.103.120
ABUSAR e INTERNET 
Apresentação
Como se inscrever
Benefícios
Atualizar Cadastro
Teste de LOG OFF
Perguntas freqüentes
Links recomendados
Contatos
Custos

Biblioteca
Dados Internet Brasil 
Material de imprensa
Notícias: News Fórum
Notícias publicadas
Termos/Cond. de Uso
Circulares
Linha do Tempo

LEGISLAÇÃO
Justiça
Processos
Regulamentação Anatel
Documentos
Consulta Pública 417

TECNOLOGIA
Manuais
Modems - Configuração
Testes de Velocidade
Conexão/Traceroute
Autenticação
Tutoriais
Tecnologias
VoIP
Portas
Provedores
Antivirus
Hardware Cabos
Linux: dicas de uso
Redes privadas VPN
Softwares (download)
FTP Abusar Pitanga

SEÇÕES
AcesseRapido
ADSL
AJato
BRTelecom
Cabo
Humor
Neovia
Rádio
Sercomtel
StarOne
TV Digital
Velox
Vesper Giro
Virtua

Serviços GDH


Guia do Hardware

Fórum GDH

Serviços ModemClub

SpeedStat
Teste sua conexão
Mostra IP
Descubra seu IP e Host Name
Suporte ModemClub

Fórum Banda Larga

Clube das Redes
Clube do Hardware
ConexãoDLink
Fórum PCs
InfoHELP -
Fórum
Portal ADSL - Fórum
PCFórum
- Fórum
Tele 171

Fale com a ABUSAR
Escreva ao Webmaster
Material de imprensa

Copyleft © 2002 ABUSAR.org
Termos e Condições de Uso

Speakeasy Speed Test

WEBalizer

Webstats4U - Free web site statistics Personal homepage website counter


Locations of visitors to this page
 
ADSL e Cable Modem brigam pelo Mercado

ADSL e Cable Modem brigam pelo Mercado

Diário de Pernambuco

Quarta-Feira - 14 de Abril de 1999

ADSL e Cable Modem brigam pelo mercado

As duas tecnologias fazem parte do futuro da Internet e garantem tráfego em altas velocidades

A busca pelas altas velocidades de conexão está sendo o pivô de uma guerra montada nos bastidores da Internet. Operadoras de telecomunicação, provedores de acesso e operadoras de TV a Cabo estão na briga por tecnologias capazes de deixar o ISDN (sistema de linhas digitais oferecido pela Telemar e que fornece acesso até 128Kbps) com cara de modem de 2.400 bps.

Nesta guerra, é difícil prever quem vai levar a melhor. A única certeza é de que o usuário - que este ano já participou de uma greve reinvidicando a redução dos custos de acesso - vai ter que desembolsar alguns reais a mais para aproveitar os novos serviços que vão turbinar a Internet doméstica.

O ADSL é uma das armas que mais vem chamando a atenção de provedores de acesso e operadoras de telecomunições. Afinal, estamos falando de uma tecnologia que é a prova de que - assim como na natureza - nada se cria, tudo se transforma. Ela aproveita a estrutura de cabos de pares da linha telefônica convencional, para trafegar dados em uma velocidade que pode chegar a ser até dez vezes maior do que a de um modem de 56Kbps.

A tecnologia oferece acesso assimétrico. Ou seja, a velocidade com que é feita a transmissão do provedor para a casa do usuário é diferente da velocidade com que os dados trafegam em sentido contrário. O sistema pode chegar a uma velocidade teórica de até 8Mbps.

No entanto, é preciso saber que a velocidade varia de acordo com a distância entre a casa do usuário e o provedor de acesso. Isto porque o ADSL transporta os dados pela mesma estrada por onde passeiam as linhas telefônicas. Portanto, à medida que as distâncias crescem, aumentam também os riscos de interferências capazes de diminuir a velocidade de transmissão.

CABO - No outro lado do front, estão as operadoras de TV a Cabo, que receberam em dezembro a autorização da Agência Nacional de Telecomunicações para iniciar os testes como provedores de acesso à Rede. Segundo a assessoria de imprensa da Anatel, os testes vão até julho e a normatização definitiva deve sair em agosto.

Na tecnologia de acesso à Internet via cabo, os dados são transportados através de cabos de fibra ótica que saem da operadora e vão diretamente até a casa do usuário. Lá, o cabo da TV será dividido em duas partes: uma conectada ao set top box da TV para transmissão dos canais e outra ligada ao cable modem (o modem especial para conexão com a Rede).

As taxas de transmissão chegam a 10Mbps, mas a velocidade é compartilhada com todos os usuários do sistema e vai depender do equipamento e da configuração da operadora da TV. Outra característica do serviço é que o usuário vai poder escolher a velocidade que deseja. Obviamente, quanto mais veloz, mais caro é o serviço. "As tecnologias de acesso mais veloz à Internet têm, naturalmente, uma demanda muito grande. O serviço prestado pelas operadoras de TV a cabo tem muitas possibilidades de conquistar uma boa fatia do mercado no Brasil", aposta o consultor da Cisco para desenvolvimento de novas tecnologias, Luís Carlos Rêgo.

No entanto, é impossível prever quando a novidade vai estar por aqui, uma vez que ainda não existe na cidade o serviço de TV a cabo. Existem empresas de TV por assinatura, mas que transportam os dados via satélite ou microondas.

© BELFORT Systems bsico.gif (273 bytes)
Google

Digite os termos da sua pesquisa
   
Enviar formulário de pesquisa 

Web www.abusar.org
KoriskoAnim.gif

Internet Segura

Teste a qualidade de sua conexão Internet

abusarXspeedy.jpg (29296 bytes)

AGE - OSCIP

Limite de Download

DICAS

Você pode ser colaborador da ABUSAR
Envie seu artigo, que estudaremos sua publicação, com os devidos créditos !

Compartilhamento de Conexão

Alteração de Velocidade

Mudança de Endereço mantendo o Speedy Antigo

Cancelando o Speedy

Comparação entre Serviços de Banda Larga

Qual a melhor tecnologia da banda larga?

Como saber se seu Speedy é ATM, Megavia, PPPOE ou Capado (NovoSpeedy)  

Guia para reduzir gastos Telefônicos

Economizando Megabytes em sua Banda Larga

"Evolução" dos Pop-ups do Speedy

SEGURANÇA

Crimes na internet? Denuncie

Segurança antes, durante e depois das compras

Acesso a bancos
Uma ótima dica, simples mas muito interessante...

Curso sobre Segurança da Informação

Uso seguro da Internet

Cartilha de Segurança para Internet
Comitê Gestor da Internet

Guia para o Uso Responsável da Internet

Dicas de como comprar
com segurança na internet

Site Internet Segura

Dicas para navegação segura na Web

Proteja seu Micro

DISI,jpg
Cartilha de segurança para redes sociais

Cartilha de segurança para Internet Banking

Cartilhas de Segurança CERT

  1. Segurança na Internet
  2. Golpes na Internet
  3. Ataques na Internet
  4. Códigos Maliciosos (Malware)
  5. SPAM
  6. Outros Riscos
  7. Mecanismos de Segurança
  8. Contas e Senhas
  9. Criptografia
 10. Uso Seguro da Internet
 11. Privacidade
 12. Segurança de Computadores
 13. Segurança de Redes
 14. Segurança em Dispositivos Móveis

Proteja seu PC
Microsoft Security

AÇÃO CIVIL PÚBLICA - MPF
HISTÓRICO
- Processo - Réplica - Quesitos - Decisão

Quer pôr fotos na Web e não sabe como?

Mantenha o Windows atualizado (e mais seguro) !

Tem coisas que só a telecômica faz por você !

Terra

Rodapé


Fale com a ABUSAR | Escreva ao Webmaster | Material de imprensa
Copyright © 2000 - 2009 ABUSAR.ORG. Todos os direitos reservados.
Termos e Condições de Uso
www.abusar.org - www.abusar.org.br

 Search engine technology courtesy FreeFind